07 junho 2009

Vizinhos...

Andava eu feita formiga aspirante a Eva Longoria quando, ao abeirar-me da lareira, me deparo com um animal semipenado viscoso. No way! Yes way.
Sucede que a dona Pássara deve ter andado às cambalhotas com o sr. Pássaro para recuperar a forma pré-parto lá na chaminé do andar de cima, devem se ter descuidado na gestão do eixo performances físicas-dimensões do ninho e mandaram-me rebento cano abaixo. (espero que prole não seja como a dos dálmatas que não tenho lareira para isso...)
Xi, sozinha em casa, não tenho para quem empurrar ingrata tarefa. Vamos lá buscar luvas de plástico, jornal, papel de alumínio e 1 saco de plástico. Ou 2.
Aaaaiiiii, ele está a rabear! Olhinhos fechados, mas esperneia que se farta o raio do bicho! Pois, o ser vivo estava mesmo isso, vivo. Toca de ligar para escuteiros, que me aconselharam primeiro a deitá-lo ao lixo (junto com cascas de cenoura, embalagens de iogurte e guardanapos usados? muito injusto), depois fazer-lhe um ninho e pô-lo na minha mesinha de cabeceira (e levantar-me mais cedo para ir apanhar-lhe minhocas fresquinhas? Next!) e ainda depois pô-lo lá fora ao sol, na vã esperança de ser recolhido pelos seus papis. Sim sr., proposta mais ecológica e humanista mas... quem é que faz isso? Pronto, já tinha luvas à mão, fui só buscar a pá do lixo. E pousei-o juntinho à chaminé, verticalmente falando, claro. E depois? Fui acabar as faxinas, que foi dia de eleições. (E já acabei o meu guião, ufa!)
(Entretanto fui espreitar pela janela e bebé já estava rigor mortis ou quê... Faleceu. Eu cá fiz o que pude. E vou deixar o conceito de biodegradação actuar.)

4 comentários:

ianita disse...

Uma vez tentei alimentar um pardalito que tinha caído do ninho... eu e o brother...

No chance... é morte certa...

O que fizeste foi o melhor... porque eu também não teria coragem de o mandar para o lixo, estando ele ainda vivo...

Kisses

Flávia disse...

Isa, e não lhe perguntaste se viu o tunel? (brincadeirinha)

olha isa, desde o episódio q relataste do (suposto!) cadáver do cãozinho q espezinhaste na estrada que leio os teus relatos com bicharada sempre com as mãos a segurar um lençol pra me tapar a cabeça...

uma beijoca (eu ficaria aflita pra tentar salvar o dito bicho)

Isandes disse...

Aiiii, o túnel! xkeci-me! já tinha 1 elemento pó trabalho de campo...

O cãozinho tava morto, ó flávia. só ficou + esfarrapado.. (mas não me orgulho disso...) *

irre_place_able disse...

Isa... ISA!!! Estes relatos, fazem com que a consideração que tenho por ti, no campo animal, baixem consideravalmente!!! ISA!!! É melhor mudares a Etiqueta para "Episódio que o André não deve ler", assim começo pelo episódio e nem passo para o relato :P

"No way! Yes way!" Será??? Ainda não descobri!!!

Kiss kiss