02 janeiro 2009

Tarefa difícil

Que conselho de orientação profissional dar a uma pitinha ex-aluna que quer(ia) estudar Línguas? "Ah, disseram-me que dá ´pa ir pá tradução, que as empresas precisam de pessoas que falem línguas estrangeiras, que o Ensino não pode continuar eternamente mau, que..."..

5 comentários:

Caetana disse...

huuummm... eu sou de Letras e, apesar de estar a trabalhar na área oposta, não me arrependo NADA do curso que tirei... acho que as pessoas devem seguir aquilo que realmente gostam, mas sem ilusões! O futuro é a polivalência de funções, meus amigos!!!

flá disse...

Deixa-a ir! Também, que curso há-de ela tirar que lhe garanta emprego à saída da faculdade? Pode ser que depois resolva emigrar e se dê bem lá fora..

Isandes disse...

É a polivalência, sim sr, mas esta miúda em questÕ ENTROU EM LIBOA E SÓ SE AGUENTOU LÁ 1 mês. k esse espírito, será k se aguenta nesta área, 1 nada tudo bastante mais rasca k as outras? falei-lhe em solicitadoria... na sei.
xuacs!

Ianita disse...

Bem... eu também não me arrependo do que escolhi, até porque quando escolhi, escolhi bem... ou seja... no ano em que entrei na faculdade todas as pessoas do meu curso ficaram colocadas e trabalham no ensino até hoje.

Em 4 anos muita coisa muda. Por isso é muito difícil fazer uma escolha dessas, em consciência. O melhor é seguir o coração e esperar o melhor!

Eu não fui para História porque não tinha saídas! LOL

Kisses

Isandes disse...

Como devem saber, tb sou de letras e gosto, mas, f*-se, gostava mais se tivesse 400 km mais perto... e qdo a miúda me disse k desistiu do curso pk tava longe de todos... já não há empregos pa vida toda, a fazer-se só pakilo pa k se estudou (bem, isto é capaz de ser 1 aspecto positivo),à portinha de casa e das 9 às 5. (Ou há?) feeling slightly depressed... over & out