20 outubro 2008

O broche que eu fiz

A pedido de muitas famílias, famílias de respeito, com criancinhas, com dignidade, e muito endividamento por créditos ao consumo também, aqui vai o dito cujo que me levou 4 horas a fazer (não esquecer que foi a minha 1ª vez):

6 comentários:

flá vi a disse...

Oh isandes, isso n é um broche! É um alfinete de peito (versão árvores de natal :D)!

Tá muito giro! Foram bem gastas as 4 horas. Tb queria um desses.

Broches só tenho visto em feiras de velharias (já pouco se vêem mas estão a voltar, na onda revivalista)

Isandes disse...

Thanks, não domino essa área. (Quem diria, hein?)

Caetana disse...

Como eu sou adepta destes posts com duplo sentido...:P

Ianita disse...

Pois... está a chegar o Natal e tal... :)

irre_place_able disse...

Amiga... confesso que me assustei com o título deste "post", e ainda mais assustado fiquei quando me dizes que durou 4 horas... mas pior de tudo é que era a 1ª vez!!! Felizmente era apenas um alfinete de peito... :P eheheh

Kiss

Anónimo disse...

Broche ou alfinete de peito está bem feito!
Esmeraste-te!
E foi feito num processo demorado, como convém.